Liderança, Competências e o impacto da pandemia no progresso para a paridade

    Durante o último ano, a pandemia de COVID-19 anulou as vitórias arduamente conquistadas na luta pela paridade de género no trabalho.  O impacto negativo veio a dobrar, uma vez que as mulheres assumiram o aumento do trabalho doméstico ao mesmo tempo que viram reduzidas as funções predominantemente desempenhadas por elas. Paralelamente, está atualmente a desenrolar-se um novo futuro que precisa de ter em conta as competências, liderança e recursos proporcionados pelas mulheres.  

    Por detrás de cada obstáculo, pode ser encontrada uma oportunidade. Os empregadores devem responder ao desafio de apoiar as mulheres nas suas organizações e reformular o ambiente de trabalho. Partilhamos as linhas orientadoras para construir um futuro mais justo e equitativo: com as mulheres a aprender novas competências, progredindo na liderança e abrindo caminho no mundo pós-pandémico.

    A necessidade de aprender novas competências
    O impacto da pandemia acelerou as mudanças já em curso para as funções mais requisitadas. O Reskiling e o Upskiling irá permitir às mulheres responder à procura crescente de especialistas em cibersegurança, analistas de dados e programadores de software e de aplicações. Além disso, novas funções - que oferecem oportunidades em áreas tais como o rastreamento de contatos, a monitorização da distância social e a verificação da temperatura - estão a emergir tão rapidamente quanto outras diminuem - como na aviação, hotelaria e entretenimento. 

    Peça mais flexibilidade
    As mulheres e todos os progenitores e cuidadores podem tirar partido das aprendizagens do último ano para pedir maior flexibilidade e opções de trabalho remoto, caso seja uma possibilidade e proporcione um melhor equilíbrio. Os Millennials, em particular, estão mais ansiosos por evitar as deslocações e menos dispostos a perder a flexibilidade que ganharam. À medida que os programas de vacinação prosseguem e as organizações planeiam o futuro, certifique-se de que comunica as suas preferências de trabalho e tenha presente os benefícios que estes acordos podem trazer para todos. 

    Considere a progressão de carreira
    Para muitos trabalhadores, este tem sido um ano difícil em que, dadas as circunstâncias, se tenta sobreviver da melhor forma possível. De facto, os trabalhadores de IT são o único sector que não considera "apenas manter o seu trabalho" como prioridade máxima. Agora que olhamos para o futuro, não perca de vista o seu desenvolvimento e progressão da carreira. As mulheres devem sentir-se capacitadas para subir na organização e reivindicar responsabilidades e cargos de liderança, sendo simultaneamente apoiadas pela sua organização.

    Valorize as suas Soft Skills
    Testemunhar a maior mudança no Mundo do Trabalho e redistribuição de competências desde a Segunda Guerra Mundial significa que as competências que estavam em voga em 2019 podem agora estar ultrapassadas. No entanto, as soft skills continuam a resistir e a ser procuradas. Em tempos de rápida transformação e incerteza, estas são mais importantes do que nunca para os trabalhadores e para os líderes. À medida que avançamos, as mulheres podem enfatizar capacidades tais como a adaptabilidade, comunicação e a empatia para se ajudarem a si próprias e às suas organizações a navegar na mudança.

    À medida que avançamos e ultrapassamos a pandemia de COVID-19, o mundo precisa, mais do que nunca, de mulheres líderes. Para o Dia Internacional da Mulher, o momento é agora de focar a atenção na necessidade do impacto da mulher na força de trabalho.

    Partilhe este artigo   

    Poderá interessar-lhe

    Skills Revolution
    Atualmente, a Era Humana manifesta-se com o surgimento da Revolução de Aptidões - onde o sucesso, tanto de pessoas como de empresas, será influenciado pelo equilíbrio entre tecnologia, talento e relações humanas.

    O nosso desafio no mundo do trabalho passa por criar condições para que as pessoas reforcem as suas competências.

    Human Age
    O mundo encontra-se numa nova realidade em que o Potencial Humano assume um papel preponderante enquanto agente diferenciador para o crescimento económico. O maior desafio para alcançar o sucesso nesta nova Era - a Human Age, é descobrir como libertar e gerir este espírito e este potencial.
    ManpowerGroup
    Employment Outlook Survey
    Empregadores nacionais menos otimistas em relação à recuperação dos níveis de contratação pré-pandemia.
    Tem alguma dúvida?
    Entre em contacto
    connosco!
    © 2016. Manpowergroup Portugal SGPS, S.A. Todos os direitos reservados.
    Politica de Privacidade e Condições de Utilização
    Política de Cookies e Proteção de Dados Pessoais
    design by ativait | development by designbinário
    © 2016. Manpowergroup Portugal SGPS, S.A. Todos os direitos reservados.
    Política de Privacidade e Condições de Utilização
    Política de Cookies e Proteção de Dados Pessoais
    design by ativait | development by designbinário